terça-feira, 4 de outubro de 2016

Uma lição de vida

Não sou de acompanhar alguns programas no domingo, mas ao ver a chamada de que a pastora e cantora Fernanda Brum estaria no programa Domingo Legal, resolvi assistir. O que muito me alegrei, emocionei, ao ver aquela mulher de Deus, cantar e falar de Jesus, testemunhando de forma linda em rede nacional. Porém, uma das coisas que também chamou atenção, foi ver a história da Ana Karla, uma moça que teve uma vida simples, pobre mesmo, mas que conseguiu com todas as dificuldades, vencer e se formar em Direito, inclusive tendo passado na prova da OAB, mas segundo ela, faltava fazer uma pós graduação, motivo o qual levou a concorrer ao prêmio, através de algumas perguntas feito pelo apresentador Celso Portiolli. 

Um prêmio ela já tinha ganho, sendo feito para ela uma surpresa, realizando o sonho de sua festa de formatura, coisa que devido a situação em que vivia, não havia conseguido realizar. Mas agora e já no palco, após a Fernanda Brum ter cantado, foi feito uma brincadeira, colocando a Fernanda para concorrer com ela, usando o nome de Maria, uma mulher que precisava fazer uma reforma na casa, mas a Ana, que é muito fã da pastora, não sabia que era ela que estava ali representando. 

Para ficar mais emocionante, foi criado uma situação, onde ela teria que responder algumas perguntas, quem fizesse mais pontos levaria o prêmio. 

É claro que ela acertou a maioria, até porque eram fáceis, mas ficou a preocupação com a suposta Maria, sendo que, inclusive ela, com muita simplicidade, estava torcendo pela “Maria”, o que foi questionada pelo apresentador, vez que ela estava precisando do prêmio, o que com um gesto tão lindo, deu um belo exemplo a todos, ao afirmar que talvez a outra pessoa estivesse precisando mais que ela, e que uma pós graduação, podia fazer em uma outra oportunidade. 

Aquelas palavras emocionou o Brasil, emocionou a cantora, bem como emocionou o próprio apresentador Celso Portiolli, que por algumas vezes, víamos lágrimas escorrendo dos seus olhos. 

Enfim, aquela moça ganhou a tão sonhada bolsa para fazer sua pós graduação, sendo também contemplada com dois cheques, um no valor de oito mil reais e outro no valor de sete mil reais, ou seja, quinze mil reais, justamente o valor que a “falsa Maria” precisava para reformar a casa. 

Mas, a atitude daquela moça surpreendeu a todos, nos dando um exemplo, uma alegria em saber que existem pessoas que pensa no próximo, que tem amor e conhece a Deus. Ela correu com os dois cheques para entregar para quem concorria com ela e tinha perdido, quando descobriu que era a pastora e cantora Fernanda Brum que estava do outro lado, onde ali juntas se abraçaram, glorificaram a Deus e cantaram pra Jesus, em um momento de muita graça, e que com certeza, Deus se fez presente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário