sábado, 14 de maio de 2016

Quem planta, colhe!

Acredito na lei da semeadura, e isto tenho presenciado em minha vida. Após ofertar uma certa quantia no culto de Missões, apesar do valor, fiquei tranquilo, tendo em vista que foi o que eu poderia ofertar naquele momento. 

Mas veja o que Deus faz: Posteriormente, precisei comprar dois objetos em uma loja, verifiquei o preço fixado na prateleira e fui ao caixa ciente de que era aquele valor, porém, para minha surpresa, ao passar na leitora com código de barras já no momento de efetuar o pagamento, o objeto estava em promoção e eu não sabia, pois o valor do desconto daria certinho para comprar um terceiro produto da mesma marca e espécie naquela loja, ou seja, a quantia ofertada não me fez falta, sendo como que eu tivesse ganho quatro vezes mais.

Assim, vejo em tudo isso, que se contribuirmos de coração, não pensando em troca, mas espontâneo, aqueles que são fiéis, esses nunca perderão, por se tratar de um investimento, uma semente plantada sem esperar retorno, mas com o coração disposto a contribuir para o crescimento, dessa forma eu acredito que Deus retribuirá, porque ele é fiel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário