sexta-feira, 2 de julho de 2010

O que aprendemos com a derrota do Brasil

Milhões de brasileiros estiveram hoje de olhos vidrados na telinha, esperando um resultado positivo de nossa Seleção, porém, passaram por uma grande decepção. A derrota da Seleção Brasileira, fez cair em lágrimas muitos fanáticos torcedores.

Confesso que, em um momento como esse, bate aquele sentimento patriótico e não tem como não está na torcida, uma vez que existem um bom número de jogadores que se dizem cristãos, além do auxiliar técnico Jorginho que também professa sua fé em Cristo.

Mas o que quero mostrar, é a lição que tiramos de tudo isso, sempre tivemos a fama de sermos os melhores, a terra do bom futebol, mas aprendemos aqui que a humildade sempre vence, ter os pés no chão e sabedoria é o caminho para ir mais longe, e que ter um controle emocional pode fazer uma grande diferença.

O Brasil perdeu pra ele mesmo, pois o descontrole era visível naqueles que no primeiro tempo pareciam imbatíveis, voltaram com outra atitude, dessa vez apática, fazendo até mesmo um deles que se diz evangélico, perder a cabeça e provocar sua expulsão.

Trazendo para o lado espiritual, isso nos mostra que como servos de Deus e como líder, precisamos ter controle sobre nossas emoções, uma vez que, um líder descontrolado pode causar sérios danos a obra de Deus, às vezes diante de certas situações, é melhor calar, esperar o agir de Deus e não querer resolver a nossa maneira, sem esquecer, é claro, que tem momentos que exige-se uma certa postura, pois Deus o chamou para ser diferente.

Assim como todos jogadores lutaram, e não conseguiram atingir o seu objetivo, existem momentos que nos deparamos diante de certas dificuldade, mas temos que entender que na vida temos altos e baixos, porém, a certeza de que Deus tem seus propósitos, e aquilo que aparentemente se tornou uma derrota, Deus pode reverter e mudar nossa história.

É levantar a cabeça, entender que a vida não acabou, que ainda existe esperança, que mesmo que o sonho pareça distante, é lutar e lutar, que o sonho não acabou, que existem coisas que servem para o nosso crescimento, o que não podemos deixar de acreditar que Deus tem o melhor para os seus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário